Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Como eu e você(Anjos ou Demônios?)
Horas em que é celestial
Outras horas insano e bestial
As vezes com uma flor na mão
Algumas vezes com uma arma então.
Como uma virgem indecente cortesã
Horas em que é uma pura romã
Como eu, como tu e como nós
Ou como meu pai,minha mãe ou nossos avós.
Há horas que é um anjo decadente
Em outra história é calmo como rio corrente
Em outros momentos é uma bela criança inocente
O que é ele, ela, eles finalmente?
Uma face múltipla, multifacetada emergente
Não há definição que possamos dizer
Só que é como eu e você.
Rogério Vícios F...
Todas poesias registradas na biblioteca nacional
Revisão Thor O Deus do Trovão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário